LAFUC © 2016. Criado com Wix.com

Próxima página >>

Scinax squalirostris (Lutz, 1925)

Nome popular : Perereca-nariguda

Biologia: Espécie de Scinax de pequeno porte e corpo esguio, pertencente ao grupo ruber, (Faivovich et al, 2005). Caracterizada por possuir coloração dorsal castanho-alaranjado ao marrom claro com a presença de faixas largas, longitudinais, de cor branca, prateado a dourado, que iniciam no focinho, atravessam o globo ocular e se estendem até a cintura pélvica. Focinho bastante alongando. Membros esguios, com manchas marrom escuras, podendo formas linhas longitudinais em alguns indivíduos. Ventre branco-amarelado ao esverdeado. Discos digitais presentes, porém pouco desenvolvidos. Membranas interdigitais pouco desenvolvidas nas mão e presente nos artelhos. Tímpano bem visível (Lutz, 1925; Maffei et al, 2011, Uetanabaro, 2008; Haddad et al, 2013). 

Habitat e Ecologia: Espécie arborícola de hábitos noturnos e associada as áreas abertas. Utiliza poços permanentes ou temporários e vegetação marginal, gramíneas e arbustos. É comumente encontrada em áreas rurais utilizando abrigos artificiais. Já foi observada reproduzindo em açudes e áreas antropizadas. A desova é submersa e aderida à vegetação (Eterovick e Sazima, 2004; Uetanabaro, 2008; Maffei et al, 2011; Maneyro e Carreira, 2012; Haddad et al, 2013).

(Loebmann, 2005; Uetanabaro, 2008, Maffei et al, 2011; Maneyro e Carreira, 2012; Haddad et al, 2013; Frost, 2014). No Brasil já foi registrada nos municípios de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Goiás e Distrito Federal. No Estado do Goiás está presente nos municípios de Alto Paraiso, Pirenópolis e Cristalina (Faria et al 2012; obs pess.). 

Ameaças: Espécie não ameaçada.

 

 

 

Distribuição: Espécie de ampla distribuição geográfica, ocorrendo desde a Bolívia, Paraguai, Região Centro-Oeste, Sudeste e Sul do Brasil até o Norte da Argentina e Uruguai

Figura 1: Distribuição da espécie no Distrito Federal.

Scinax squalirostris - Fábio Maffei
00:00 / 00:00
Scinax squalirostris