LAFUC © 2016. Criado com Wix.com

Próxima página >>

Trachycephalus typhonius (Linnaeus, 1758)

Nome popular : Perereca-babenta.

Biologia: O gênero é caracterizado por possuir sacos vocais laterais, que quando inflados são projetados para região dorsal, posterior à cabeça e oposta à mandíbula. A espécie possui coloração dorsal bastante variada ao longo de sua distribuição geográfica, podendo apresentar cores de fundo do marrom-escuro ao marrom-esverdeado, com ou sem padrões de manchas irregulares de cor marrom-claro ao bege. O padrão dorsal pode apresentar duas manchas dorsolaterais largas e longas, que se iniciam na região escapular e segue até à região sacral; manchas irregulares transversais largas e manchas esparsas. O ventre possui coloração creme. Corpo robusto. A cabeça é arredondada em vista dorsal e truncada em vista lateral. Tímpano grande com presença de membrana supra timpânica, que se inicia no canto posterior do olho e se estende até o ombro. Membros moderadamente robustos e dedos robustos. Membrana interdigital pouco desenvolvida nos dedos e presente nos artelhos. Discos adesivos mais desenvolvidos nas mãos do que nos artelhos, sendo que o disco digital do terceiro dedo compreende quase que 1/3 do tamanho do tímpano. Região posterior do dorso verrugoso e região dos flancos grosseiramente verrugosa. Pele da cabeça e supra ocular granulosa e a região ventral dos membros é lisa (Duellman, 1971; Lavilla et al, 2010). A espécie produz grande quantidade de secreção cutânea que pode encobrir toda região dorsal da pele (Duelman, 1971).

Habitat e Ecologia: Espécie florestal, de hábitos noturnos e diurnos, e reprodução explosiva. Pode ser encontrada depois de fortes chuvas, vocalizando em poças permanente ou temporárias, e flutuando na superfície da água ou sobre galhos e gravetos parcialmente submergidos. Raramente encontrada em árvores. Os ovos são depositados em massa g 

elatinosa em monocamada na superfície das poças (Zweifel, 1964). São encontrados em áreas urbanas e podem tolerar modificações no habitat.    

Distribuição: Espécie de ampla distribuição. Ocorre desde o sul do México ao norte da Argentina e Sul do Brasil (Lavilla et al, 2010; Soares et al, 2012; Frost, 2014). Ameaças: Taxon não ameaçado.

Figura 1: Distribuição da espécie no Distrito Federal.

Trachycephalus typhonius - Juan Salvador Mendoza Roldan
00:00 / 00:00